Diversidade como riqueza para produção de ciência!

Hoje, 28 de junho, é o Dia Internacional do Orgulho Gay!

O marco é o levante ocorrido no bar LGBTQIA+ Stonewall (NY) em 28 de junho de 1969, contra as batidas policiais devido ao perfil das pessoas que o frequentavam. No ano seguinte nasce a primeira Parada do Orgulho Gay em 1º de julho de 1970, para relembrar o fato e a luta.

51 anos depois, o dia do Orgulho Gay ainda é muito necessário para conscientizar e reforçar a importância do respeito e da promoção de equidade social e profissional de pessoas LGBTQIA+.

E para que essa equidade social seja alcançada nós, enquanto sociedade, precisamos encontrar respostas levando em consideração a pluralidade dos problemas e das pessoas que estão envolvidas. Assim seremos capazes de encontrar respostas que tragam pontos de vista não convencionais e mais realistas.

E vocês o que acham que a presença da diversidade pode fazer por nossa ciência?

2 Curtidas

Temos que levar em conta que foi devido a adiversidade que ampliamos nosso conhecimento, bem como as características de cada indivíduo. Todo e qualquer ser humano tem que ser respeitado conforme a sua individualidade. Não basta somente aceitar, tem que ser visto como normal, e entender que cada um de nós buscamos a felicidade, a alegria de viver com seu orgulho de ser como é!

3 Curtidas

Concordo em gênero, número, grau e cor @marcksa e @Dai!

E para deixar minha contribuição para este tema tão necessário, compartilho com vcs dois materiais incríveis:

Manual de Diversidade e Inclusão concebido no Startup Weekend Recife Diversidade e Inclusão, ele é simples didático e lindo!

E o Guia de Boas Práticas em Diversidade na Ciência do Instituto Serrapilheira, ele é um horizonte para quem quer fazer ciência realmente inclusiva e diversa.

E vcs, têm algum outro material para compartilhar, põe na roda!

2 Curtidas

Adorei o material!!! Olha!!! Aprendi muito sobre a diversidade e o seu empoderamento, com certeza me tornei mais humano com esse pequeno material que alcançou uma grande parte da concepção contextualizada.

Obrigado Líder!!!

2 Curtidas

Que máximo @marcksa, feliz que tenha aproveitado o material e que ele tenha sido útil em sua jornada! :star_struck:

2 Curtidas

Esses materiais de fato são incríveis!
Ambos podem seu usados e aplicados hoje.

2 Curtidas

A Google ajuda em relação a…

2 Curtidas

Excelente dica de artigo!

Comunicação sem dúvida tem sido um desafio cada vez mais complexo de solucionar, pois falamos com pessoas, onde cada uma é um universo único.
Comunicar bem é um superpoder para fazer nossas ideias chegarem onde precisamos.

E quais organizações ou pessoas são um exemplo de comunicação pra vc @marcksa?

2 Curtidas

Creio que a comunicação primária está na Família, pois esta orienta em todos os sentidos na visão pessoal familiar, mas sempre respeitando os direitos de quem a compõem. As mídias de forma geral também comunica como está a nossa sociedade, assim, quando parar de ter comunicações categorizando um grupo, então teremos uma sociedade mais justa, pois o normal não se comunica, apenas se vive no dia a dia.